fbpx

Soro fisiológico no cabelo: benefícios e como usar!

  Por Brenda Archanjo

Quem não gosta de cabelos limpos, hidratados e cheirosos?

Aposto que todo mundo! Para isso, é muito importante incorporar cuidados frequentes durante a rotina do dia a dia, mesmo na correria.

Para muitas pessoas, cuidar os cabelos é sinônimo de economizar dinheiro para, assim, gastar em vários produtos.

Mas sabia que você consegue fazer o cronograma capilar com produtos e ingredientes mais baratos?

Um desses é o soro fisiológico. Sim! Isso mesmo.

Além de ser um ótimo item para a pele, o soro fisiológico é conhecido por lavar ferimentos e tratar inflamações como nariz e olhos.

Mas você sabe quais são os benefícios do soro fisiológico? Qual sua composição? Soro fisiológico é bom para cabelo? Vale a pena usa-lo para cuidar das madeixas?

Ficou interessada sobre o assunto? Então, acompanha a leitura com a gente. Qualquer dúvida, não hesite em deixar nos comentários!

Para que serve o soro fisiológico?

Certamente você já ouviu falar no soro fisiológico. Ele é um dos produtos mais usados no meio hospitalar.

Isso porque, além de suas utilidades, o soro fisiológico normalmente não causa nenhuma reação adversa.

O soro fisiológico é super indicado para casos de desidratação. Nesse caso, a administração deve ser feita pela veia.

Esse produto também é recomendado para a lavagem de queimaduras e feridas.

Isso uma vez que o soro fisiológico consegue eliminar resíduos. Dessa forma, evita-se possíveis infecções.

Se você sofre com rinite e sinusite, principalmente no inverno, o soro fisiológico pode ser o seu aliado.

Além de ser importante para a limpeza dos olhos, ele é muito recomendado para fazer a limpeza do nariz e nas nebulizações.

Qual é sua composição?

O produto em questão, o soro fisiológico, é uma solução salina e isotônica.

Ela contém 0,9 de cloreto de sódio (NaCl) em massa dissolvidos em água destilada.

Ou seja, para cada 100ml de solução aquosa estão presentes 0,9g de sal.

Para cada 100 ml de soro fisiológico, estão contidos 0,354 de Na+ (sódio) e 0,546 de Cl (cloro). O pH do produto é igual a 6.

Benefícios do soro fisiológico no cabelo

Agora que você já sabe as principais utilidades e a composição do soro fisiológico, é possível dizer que este produto pode garantir vários benefícios ao cabelo.

Além disso tudo, o soro fisiológico é barato e super fácil de encontrar. Ele pode ser utilizado em todos os tipos de cabelo.

Porém, esse produto é muito amado pelas cacheadas. Isso porque a curvatura dos fios (3A, 3B e 3C) é mais ressecado.

Sabendo disso tudo, está preparada para conhecer os benefícios do soro fisiológico no cabelo?

Equilibra o pH dos fios

Como disse anteriormente, o pH do soro fisiológico é 6. E a do couro cabeludo é 7.

Dessa forma, a solução salina ameniza os danos nos fios feitos por produtos mais alcalinos ou ácidos.

Quando o soro fisiológico é aplicado nos fios, ele consegue selar as cutículas. Assim, evita-se o ressecamento e a perda de umidade.

Hidratação dos fios

Sabe quando fazemos algum procedimento químico?

Pode ser um alisamento ou até mesmo pintar o cabelo…

Então, os fios ficam danificados e frágeis por conta da desidratação. O soro fisiológico é ótimo para repor a água que falta.

Redução de frizz

Se você for aquela pessoa que se incomoda com os fios mais espetados, então, o soro fisiológico é para você.

Ele é capaz de contribuir na redução dos frizz principalmente por meio da hidratação.

Deixa o cabelo mais leve

O soro fisiológico é responsável por eliminar impurezas.

Por conta dessa propriedade, ele é muito utilizado para a lavagem de ferimentos.

Quando o assunto é cabelo, isso não é diferente.

O soro fisiológico quando aplicado no cabelo também atua na limpeza. Dessa forma, o cabelo fica bem mais leve.

Depois de saber tantos benefícios, a empolgação e a ansiedade para passá-lo nos fios deve estar alta por aí também, não é?

Se você não souber como aplicar, não desanime!

Como usar soro fisiológico no cabelo?

Há diferentes formas de usar soro fisiológico no cabelo. Vamos conhecer algumas? Já pega o seu bloquinho pra anotar todas as dicas!

Hidratação com soro fisiológico

Para essa receita, você vai precisar de:

  • Máscara capilar de sua preferência
  • Soro fisiológico
  • Bepantol Derma Solução

Vamos ao passo a passo?

  1. Pegue um recipiente e misture duas colheres de sopa da máscara capilar com duas colheres de sopa de soro e uma tampinha do Bepantol
  2. Mexa bem
  3. Com os fios limpos e úmidos, aplique a mistura mecha por mecha massageando os fios
  4. Deixe agir por volta de 20 minutos
  5. Enxágue para retirar toda a mistura
  6. Finalize da forma como preferir

Glicerina e soro fisiológico no cabelo

Nessa dica, você vai precisar de:

  • Glicerina
  • Máscara de hidratação de sua escolha
  • Soro fisiológico

Agora, vamos ao passo a passo.

  1. Quando o cabelo estiver limpo e úmido, misture, em um recipiente, uma tampinha de glicerina com duas colheres de sopa da máscara de hidratação e duas colheres de sopa de soro fisiológico
  2. Misture bem
  3. Aplique a mistura no cabelo mecha por mecha
  4. Deixe descansar por volta de 15 minutos
  5. Enxágue bem para retirar a mistura

Soro fisiológico no couro cabeludo

Até agora vimos que o uso do soro fisiológico em mistura com outros ingredientes.

Mas será que é possível passar o soro diretamente no couro cabeludo?

A resposta é sim!

Para fazer dessa forma, é preciso:

  1. Lavar o cabelo como normalmente você faz
  2. Depois disso, você aplica uma boa quantidade de soro nos fios
  3. Retire o excesso
  4. Seque o cabelo

Argila dolomita e soro fisiológico no cabelo

Para essa receita, você vai precisar de:

  • Argila dolomita
  • Soro fisiológico

Vamos ao passo a passo?

  1. Em um recipiente, misture uma colher de sopa de dolomita com soro fisiológico
  2. Forme uma pasta uniforme com uma boa consistência
  3. Aplique a mistura no couro cabeludo
  4. Deixe agir por volta de 30 minutos
  5. Enxágue bem para retirar toda a mistura

Diferentemente das outras dicas, essa última pode ser feita com os cabelos úmidos ou secos.

E aí, curtiu as dicas?

Já fez alguma dessas receitas?

Conta pra gente nos comentários

 

 

Dúvida? Opinião? Escreva um comentário