Skip to content

Seu cabelo precisa de hidratação, nutrição ou reconstrução?

A busca por um cabelo bonito forte e saudável nunca acaba, não é mesmo? E com tantas opções de tratamentos nas lojas e nos salões de beleza, é super normal ficar em dúvida.

O fato é que nossos cabelos precisam de três necessidades básicas que só com tratamentos são repostas: hidratação (reposição de água); nutrição (reposição de óleos / lipídeos) e reconstrução (reposição de proteínas / massa).

E agora, está na dúvida de qual tratamento seus fios precisam? Então esta no lugar certo!

O primeiro passo é bastante simples, preste atenção no que seus fios de cabelo querem lhe dizer, repare no aspecto do cabelo, passe seus dedos entre as mechas o que você vê?

Pontas duplas? Desbotado? Está sem brilho? Poroso? Elástico? Frágil? Está com frizz? Ressecado? Sem vida?

Conseguiu identificar o problema dos seus fios de cabelo? Agora vamos entender como cada etapa funciona.

Hidratação

A hidratação é muito importante, para manter a boa saúde dos cabelos isso porque nossos fios, tendem a perder água com muita facilidade e diariamente.

Mesmo a hidratação sendo o tratamento mais simples e comum, ela é extremamente importante.

Por ser responsável por restituir a umidade natural dos fios, o tratamento de hidratação é indicada no auxilio da manutenção para o aspecto ressecado e opacas dos fios. Conseguindo assim desenvolver uma película temporária para que esse fio não perca tanta água.

De qualquer forma, para fazer uma boa hidratação, basta você reservar 15 minutos durante 3x na semana e usar cremes que contém ativos como extratos de frutas, extratos vegetais e vitaminas.

Geralmente, os cabelos mais necessitados de hidratação estão com aspecto ressecado, frizzado e sem vida.

Nutrição

A nutrição é a responsável pela reposição de óleos e lipídeos nos fios.  E ela deve ser realizada ao menos uma vez na semana, mesmo por quem tenha cabelos oleosos.

Se seus fios de cabelos estão sem brilho e ao toque estão áspero, então é um alarme de que ele possa estar precisando de um tratamentos mais concentrado do que apenas a  hidratação, ou seja, é necessário nutrir o fio internamente.

Reconstrução

É basicamente a etapa do tratamento que requer uma menor frequência,  vai depender muito do seu tipo de cabelo, pois trata-se da reposição de massa (proteínas e aminoácidos) que compõem o cabelo.

Afinal como escolher um bom creme?

Existem certas informações que devem ser levados em consideração na hora de você querer comprar um bom creme, confira abaixo

Consistência do creme

Com certeza você já ouviu falar por aí que:  ” quanto mais denso a consistência do creme, melhor ele é.” Bom isso é muito relativo, mas o que eu posso afirmar é que: quanto mais fino ou oleoso seu cabelo é, maior será a facilidade dele pesar, com o uso de cremes mais densos.

Dica, antes de você sair comprando um creme, procure ler o rotulo da embalagem e conseguir identificar a textura  ideal da máscara para as suas madeixas.

Ativos predominantes

Leve em consideração os ativos que se encontram nas máscaras, para assim conseguir escolher um creme que seja de acordo com a necessidade do seu cabelo.

Por exemplo: cremes ricos em vitaminas e extratos naturais (aloe vera, vitamina E, vitamina B5, extrato de bambu, água de coco, etc) cremes com ativos de proteínas e aminoácidos (cisteína, queratina, arginina, proteínas do leite, tutano, etc) e é claro os cremes ricos em óleos (coco, macadâmia, manga, rícino, etc).

Cuidados

Normalmente, os cremes de tratamentos possui apenas componentes de reposição em suas fórmulas. Então podem ficar despreocupados pois creme algum de tratamento consegue alterar a estrutura dos fios.

A questão aqui é ficar atento e respeitar o modo correto de uso dos cremes como:

    • Não aplicar as máscaras na raiz dos cabelos.
    • Verificar sempre a validade do produto.
    • Armazenamento adequado do produto.
    • Respeitar os intervalos.
    • Não colocar a mão no pote para retirar o produto (utilize sempre uma espátula e um recipiente para manipular a quantidade de produto a ser utilizado na aplicação).